DIOCESE  DE  PONTA  GROSSA



SOBRE
   História
   Fundação
   Bula Pontifícia


ESTRUTURA
   Colégio Consultores
   Conselho Presbiteral
   Seminários Diocesanos
   Casas para Encontros


Publicado em: 11/05/2021

Festa das Nações será retomada este ano

Os pratos típicos serão entregues via drive thru

 
A gastronomia diferenciada é o diferencial da festa A gastronomia diferenciada é o diferencial da festa | Crédito: Arquivo AssCom Diocese de Ponta Grossa/Paróquia Santa Rita

     Quem está com saudade da Festa das Nações? A pergunta está em um dos flyers de divulgação do evento, que é realizado há dez anos pela Paróquia Santa Rita de Cássia, em Ponta Grossa. Programada para entre 15 e 23 de maio, a Festa das Nações será retomada este ano com um formato diferente, totalmente adaptado a este tempo de pandemia. Missas e novenas diárias, show de prêmios no dia 23 e a oferta de comidas típicas que, em 2021, será no sistema drive thru. As fichas, inclusive, já estão sendo vendidas na secretaria da paróquia.

     Uma das mais conhecidas ‘festas de igreja’ da região, a Festa das Nações oferecerá, no dia 15, pratos da culinária holandesa (tortinhas de morango, banoffe e amora) e da cozinha americana (x salada). No dia 16, os lanches serão da cozinha suíça (creps de queijo e presunto, chocolate branco e preto) e, da brasileira, com quentão e espetinho de carne. No dia 21, hot dog (cozinha americana); dia 22, pastéis de carne, pizza, palmito e banana, e, no dia 23, churrasco. Os valores giram entre R $5 (quentão 200 ml e crepes) a R $45 (churrasco do almoço de domingo). O ideal é que as fichas sejam compradas com antecedência, na secretaria, para evitar aglomerações. A retirada será no salão paroquial, no sistema drive thru.

     Padre Evandro Luis Braun, pároco da Santa Rita, lembra que serão cinco dias com a oferta de alimentação, das 16 às 21 horas. “Serão todas as barracas de sempre, de nacionalidades diferentes, uma a cada dia. A organização será feita por uma equipe da paróquia, formada por lideranças, representantes de organismos, pastorais e células. A festa tem uma grande importância porque é um dos jeitos da comunidade celebrar a sua padroeira. É um jeito especial de as pessoas se encontrarem e rezar juntas. Importante a comunhão e a confraternização, o encontro das pessoas. Convidamos você a participar desse momento tão especial”, sugere o pároco.

.     O padre destaca a programação religiosa, citando que as celebrações serão diárias, às 17 e às 19 horas. Dos dias 15 a 23, um Caminho de Fé com Santa Rita de Cássia lembrará, nas novenas e missas, os idosos (dia 15), fará a bênção de bíblias, terços e objetos devocionais (dia 16), de casais, noivos e namorados, e bênção de alianças (dia 17). No dia 18, as orações serão em intenção das crianças, com bênção e a arrecadação de brinquedos para doação. Dia 19, com o tema ‘Santa Rita, mulher dedicada no trabalho’ haverá bênção dos trabalhadores, desempregados e carteiras de trabalho. Quem quiser, pode levar a carteira e o último holerite.

     No dia 20, o pedido a ‘Santa Rita, profunda penitente’ será pela intercessão pelas mães e mulheres grávidas. Pede-se que os fiéis tragam uma imagem de Nossa Senhora. No dia 21, lembrando ‘Santa Rita, religiosa exemplar’, será dada a bênção às religiosas e benfeitores da Comunidade. Dia 22, acontecerá a bênção dos profissionais de saúde e, no dia 23, na missa das 19 horas, haverá bênção para os enfermos, com a arrecadação de alimentos para distribuição entre as famílias assistidas pela paróquia. A participação nas celebrações precisa ser agendada na secretaria paroquial.


Show de prêmio:

     O tradicional Show de Prêmios promete movimentar também paroquianos e visitantes. As cartelas estão sendo vendidas a R $10 na secretaria da igreja, com as lideranças das capelas São Domingos, Nossa Senhora da Luz e Sagrada Família, e, ainda, pelo whatsapp. O primeiro prêmio dará ao vencedor R $13.000 e mais uma moto Honda Fan CG 160 zero quilômetro; o segundo, R $5.000 e o terceiro, R $3.000.

     O sorteio será eletrônico. Não é necessário estar presente. Se houver mais de um ganhador, para o mesmo prêmio, o desempate ficará a critério dos mesmos. A Festa das Nações em honra a Santa Rita de Cássia acontece sempre na Praça Hulda Roedel, em frente à igreja matriz. Ano passado, em função da pandemia, o evento foi cancelado. “Será a maior de todas as festas porque não se concentrará na praça, mas estará presente na casa de todas as pessoas. Depois de terem celebrado na matriz, as pessoas irão buscar seu lanche no salão e voltarão para casa, compartilhar em família”, enfatiza padre Evandro Braun.


  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa


Você pode se interessar também:
| Dom Sergio lembra vida do Papa Santo   |   Praça de Ivaí ganhará também imagem de Cristo Rei   |   Paróquia festeja centenário com dedicação da igreja   |   Liga Católica retoma atividades   |  





Publicado em: 11/05/2021

Festa das Nações será retomada este ano

Os pratos típicos serão entregues via drive thru

 

     Quem está com saudade da Festa das Nações? A pergunta está em um dos flyers de divulgação do evento, que é realizado há dez anos pela Paróquia Santa Rita de Cássia, em Ponta Grossa. Programada para entre 15 e 23 de maio, a Festa das Nações será retomada este ano com um formato diferente, totalmente adaptado a este tempo de pandemia. Missas e novenas diárias, show de prêmios no dia 23 e a oferta de comidas típicas que, em 2021, será no sistema drive thru. As fichas, inclusive, já estão sendo vendidas na secretaria da paróquia.

     Uma das mais conhecidas ‘festas de igreja’ da região, a Festa das Nações oferecerá, no dia 15, pratos da culinária holandesa (tortinhas de morango, banoffe e amora) e da cozinha americana (x salada). No dia 16, os lanches serão da cozinha suíça (creps de queijo e presunto, chocolate branco e preto) e, da brasileira, com quentão e espetinho de carne. No dia 21, hot dog (cozinha americana); dia 22, pastéis de carne, pizza, palmito e banana, e, no dia 23, churrasco. Os valores giram entre R $5 (quentão 200 ml e crepes) a R $45 (churrasco do almoço de domingo). O ideal é que as fichas sejam compradas com antecedência, na secretaria, para evitar aglomerações. A retirada será no salão paroquial, no sistema drive thru.

     Padre Evandro Luis Braun, pároco da Santa Rita, lembra que serão cinco dias com a oferta de alimentação, das 16 às 21 horas. “Serão todas as barracas de sempre, de nacionalidades diferentes, uma a cada dia. A organização será feita por uma equipe da paróquia, formada por lideranças, representantes de organismos, pastorais e células. A festa tem uma grande importância porque é um dos jeitos da comunidade celebrar a sua padroeira. É um jeito especial de as pessoas se encontrarem e rezar juntas. Importante a comunhão e a confraternização, o encontro das pessoas. Convidamos você a participar desse momento tão especial”, sugere o pároco.

.     O padre destaca a programação religiosa, citando que as celebrações serão diárias, às 17 e às 19 horas. Dos dias 15 a 23, um Caminho de Fé com Santa Rita de Cássia lembrará, nas novenas e missas, os idosos (dia 15), fará a bênção de bíblias, terços e objetos devocionais (dia 16), de casais, noivos e namorados, e bênção de alianças (dia 17). No dia 18, as orações serão em intenção das crianças, com bênção e a arrecadação de brinquedos para doação. Dia 19, com o tema ‘Santa Rita, mulher dedicada no trabalho’ haverá bênção dos trabalhadores, desempregados e carteiras de trabalho. Quem quiser, pode levar a carteira e o último holerite.

     No dia 20, o pedido a ‘Santa Rita, profunda penitente’ será pela intercessão pelas mães e mulheres grávidas. Pede-se que os fiéis tragam uma imagem de Nossa Senhora. No dia 21, lembrando ‘Santa Rita, religiosa exemplar’, será dada a bênção às religiosas e benfeitores da Comunidade. Dia 22, acontecerá a bênção dos profissionais de saúde e, no dia 23, na missa das 19 horas, haverá bênção para os enfermos, com a arrecadação de alimentos para distribuição entre as famílias assistidas pela paróquia. A participação nas celebrações precisa ser agendada na secretaria paroquial.


Show de prêmio:

     O tradicional Show de Prêmios promete movimentar também paroquianos e visitantes. As cartelas estão sendo vendidas a R $10 na secretaria da igreja, com as lideranças das capelas São Domingos, Nossa Senhora da Luz e Sagrada Família, e, ainda, pelo whatsapp. O primeiro prêmio dará ao vencedor R $13.000 e mais uma moto Honda Fan CG 160 zero quilômetro; o segundo, R $5.000 e o terceiro, R $3.000.

     O sorteio será eletrônico. Não é necessário estar presente. Se houver mais de um ganhador, para o mesmo prêmio, o desempate ficará a critério dos mesmos. A Festa das Nações em honra a Santa Rita de Cássia acontece sempre na Praça Hulda Roedel, em frente à igreja matriz. Ano passado, em função da pandemia, o evento foi cancelado. “Será a maior de todas as festas porque não se concentrará na praça, mas estará presente na casa de todas as pessoas. Depois de terem celebrado na matriz, as pessoas irão buscar seu lanche no salão e voltarão para casa, compartilhar em família”, enfatiza padre Evandro Braun.


Diocede Ponta Grossa
A gastronomia diferenciada é o diferencial da festa   |   Arquivo AssCom Diocese de Ponta Grossa/Paróquia Santa Rita

Diocede Ponta Grossa
Todos os anos, em maio, a Paróquia Santa Rita recebia milhares de pessoas na Festa das Nações   |   Arquivo AssCom Diocese de Ponta Grossa/Paróquia Santa Rita

Diocede Ponta Grossa
O tradicional Show de Prêmios dará ao ganhador montante em dinheiro e uma motocicleta   |   Arquivo AssCom Diocese de Ponta Grossa/Paróquia Santa Rita


Navegue até a sua Paróquia