DIOCESE  DE  PONTA  GROSSA



SOBRE
   História
   Fundação
   Bula Pontifícia


ESTRUTURA
   Colégio Consultores
   Conselho Presbiteral
   Seminários Diocesanos
   Casas para Encontros


Publicado em: 24/03/2022

Filme retrata devoção ao Sagrado Coração de Jesus

Coração Ardente’ já está em cartaz nos cinemas de PG

 
O filme traz uma reflexão de fé e esperança que o mundo tanto precisa O filme traz uma reflexão de fé e esperança que o mundo tanto precisa | Crédito: Divulgação

A devoção ao Sagrado Coração de Jesus é retratada no filme Coração Ardente, em cartaz no Cinema Cinex, do Shopping Total, em Ponta Grossa, de hoje (24) a 30 de março, sempre às 19 horas. Estudantes, doadores de sangue, policiais, professores, crianças dos três aos 12 anos e idosos a partir de 60 anos pagam meia entrada, de R$10. ‘Coração Ardente’ chega aos cinemas do Brasil com apoio do Apostolado da Oração e do Movimento Eucarístico Jovem.


     A coordenadora diocesana do Apostolado da Oração, Norma Sueli Pires Siemieniaco, conta que, inicialmente, o filme não estava na lista das 44 cidades brasileiras em que o filme seria exibido. Da listagem, apenas Curitiba e Londrina teriam a exibição. “Falei direto com os responsáveis. Quando vi que na lista não estava Ponta Grossa e tinha possibilidades de entrar em contato e pedir para passar aqui, eu comecei a conversar com eles e eles com os cinemas daqui. Inclusive, uma coordenadora de Piraí que me alertou. Graças a Deus deu certo. Consegui trazê-lo para Ponta Grossa”, explica, referindo-se a coordenadora do Apostolado da Oração em Piraí do Sul, Graziele Weinert Napoli Silva.


     “Hoje, muitos estão desacreditados na fé. A pandemia afastou muitas pessoas das igrejas. A guerra, às vezes, nos deixa desacreditados e desesperançosos. O filme vem mostrar que, em meio a tudo, a fé continua forte. Os milagres continuam e que Jesus não morreu em vão. O perdão e a misericórdia estão ao nosso alcance no coração imenso de Jesus. Assistir ao filme vai ser uma lição de amor e perdão”, convida Norma. ‘Coração Ardente’ já foi exibido em aproximadamente 20 países e segue em cartaz nos Estados Unidos, México e Uruguai. No Brasil, a produção conta com o apoio do diretor Nacional Apostolado da Oração, padre Eliomar Ribeiro. Para o jesuíta, a chegada do filme era muito aguardada pelos membros do movimento que se aproxima de 2 milhões de congregados no país.


     O filme conta a história de Lupe Valdéz (Karyme Lozano), uma escritora de sucesso em busca de inspiração para seu novo livro. Nesse caminho, ela conhece a jornalista María (María Vallejo-Nájera), que lhe sugere investigar uma série de milagres que envolvem a devoção ao Sagrado Coração de Jesus. Empenhada nessa pesquisa, Lupe é levada a pensar sua fé, seus valores e a descobrir a importância do perdão. Além deste drama, o filme leva o espectador a entender a profundidade dessa religiosidade popular e sua importância para a fé católica ao longo dos anos e até os dias de hoje.


     Reunindo depoimentos emocionantes, ‘Coração Ardente’ revela o alcance dessa devoção. Alicia Beauvisage, propagadora desta fé na América Latina, afirma ter vivido uma experiência preciosa, que mudou muito sua vida. Aquele que realmente encontra o Coração de Jesus nunca mais pode ser como antes”, destaca. A produção foi ganhadora do prêmio principal do Festival de Cinema Católico, na Polônia, em 2020. Na ocasião, o júri entendeu que o filme “revela ao mundo de hoje que o culto ao Sagrado Coração de Jesus não só pertence à história, mas que continua a ser uma grande esperança para o homem contemporâneo”.


 


  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa


Você pode se interessar também:
| Enviado 1º conselho missionário da Diocese   |   Dia de São Francisco terá bênção de animais   |   Paróquias refletem sobre a Igreja em Missão   |   Assembleia fortalece a evangelização   |  





Publicado em: 24/03/2022

Filme retrata devoção ao Sagrado Coração de Jesus

Coração Ardente’ já está em cartaz nos cinemas de PG

 

A devoção ao Sagrado Coração de Jesus é retratada no filme Coração Ardente, em cartaz no Cinema Cinex, do Shopping Total, em Ponta Grossa, de hoje (24) a 30 de março, sempre às 19 horas. Estudantes, doadores de sangue, policiais, professores, crianças dos três aos 12 anos e idosos a partir de 60 anos pagam meia entrada, de R$10. ‘Coração Ardente’ chega aos cinemas do Brasil com apoio do Apostolado da Oração e do Movimento Eucarístico Jovem.


     A coordenadora diocesana do Apostolado da Oração, Norma Sueli Pires Siemieniaco, conta que, inicialmente, o filme não estava na lista das 44 cidades brasileiras em que o filme seria exibido. Da listagem, apenas Curitiba e Londrina teriam a exibição. “Falei direto com os responsáveis. Quando vi que na lista não estava Ponta Grossa e tinha possibilidades de entrar em contato e pedir para passar aqui, eu comecei a conversar com eles e eles com os cinemas daqui. Inclusive, uma coordenadora de Piraí que me alertou. Graças a Deus deu certo. Consegui trazê-lo para Ponta Grossa”, explica, referindo-se a coordenadora do Apostolado da Oração em Piraí do Sul, Graziele Weinert Napoli Silva.


     “Hoje, muitos estão desacreditados na fé. A pandemia afastou muitas pessoas das igrejas. A guerra, às vezes, nos deixa desacreditados e desesperançosos. O filme vem mostrar que, em meio a tudo, a fé continua forte. Os milagres continuam e que Jesus não morreu em vão. O perdão e a misericórdia estão ao nosso alcance no coração imenso de Jesus. Assistir ao filme vai ser uma lição de amor e perdão”, convida Norma. ‘Coração Ardente’ já foi exibido em aproximadamente 20 países e segue em cartaz nos Estados Unidos, México e Uruguai. No Brasil, a produção conta com o apoio do diretor Nacional Apostolado da Oração, padre Eliomar Ribeiro. Para o jesuíta, a chegada do filme era muito aguardada pelos membros do movimento que se aproxima de 2 milhões de congregados no país.


     O filme conta a história de Lupe Valdéz (Karyme Lozano), uma escritora de sucesso em busca de inspiração para seu novo livro. Nesse caminho, ela conhece a jornalista María (María Vallejo-Nájera), que lhe sugere investigar uma série de milagres que envolvem a devoção ao Sagrado Coração de Jesus. Empenhada nessa pesquisa, Lupe é levada a pensar sua fé, seus valores e a descobrir a importância do perdão. Além deste drama, o filme leva o espectador a entender a profundidade dessa religiosidade popular e sua importância para a fé católica ao longo dos anos e até os dias de hoje.


     Reunindo depoimentos emocionantes, ‘Coração Ardente’ revela o alcance dessa devoção. Alicia Beauvisage, propagadora desta fé na América Latina, afirma ter vivido uma experiência preciosa, que mudou muito sua vida. Aquele que realmente encontra o Coração de Jesus nunca mais pode ser como antes”, destaca. A produção foi ganhadora do prêmio principal do Festival de Cinema Católico, na Polônia, em 2020. Na ocasião, o júri entendeu que o filme “revela ao mundo de hoje que o culto ao Sagrado Coração de Jesus não só pertence à história, mas que continua a ser uma grande esperança para o homem contemporâneo”.


 


Diocede Ponta Grossa
O filme traz uma reflexão de fé e esperança que o mundo tanto precisa   |   Divulgação

Diocede Ponta Grossa
Quanto mais divulgação e participação do público, mais tempo filme permanecerá nos cinemas   |   Divulgação

Diocede Ponta Grossa
Devotos do Sagrado Coração de Jesus podem contribuir falando do filme nas reuniões e missas   |   Divulgação


Navegue até a sua Paróquia