DIOCESE  DE  PONTA  GROSSA



SOBRE
   História
   Fundação
   Bula Pontifícia


ESTRUTURA
   Colégio Consultores
   Conselho Presbiteral
   Seminários Diocesanos
   Casas para Encontros


Publicado em: 21/04/2022

Gesto concreto arrecada mais de mil terços

Paróquia Cristo Rei de Ivaí incentivou doação na Sexta-Feira Maior

 
As pessoas beijavam a cruz do rosário antes da entrega As pessoas beijavam a cruz do rosário antes da entrega | Crédito: Paróquia Cristo Rei/Ivaí

A Sexta-Feira Santa em Ivaí teve um significado ainda mais especial. Em substituição ao beijo na cruz, não permitido devido à pandemia de Covid 19, os fiéis que participaram da celebração da Paixão, às 15 horas, trouxeram terços para doar e, no momento do beijo, beijavam a cruz do rosário antes de depositá-lo na caixa da Campanha Terços para Canutama, desencadeada pela Pastoral de Animação Bíblico-Catequética em favor da Paróquia São João Batista, que fica Prelazia de Lábrea, no Amazonas. Foram coletados entre 1.200 e 1.500 terços.


     A ação foi iniciada a pedido do padre Osvaldo Pinheiro, diocesano que administra a paróquia em Canutama dentro do Projeto Igrejas-Irmãs. Ao lado dele, servem na Amazônia os padres Fábio Sejanoski e Sílvio Mocelim, vigários, e o diácono Metódio Retexin e sua esposa, Vera. Padre Osvaldo contou que, em conversa com uma de suas paroquianas, ouviu que a moradora não conseguiu cumprir uma promessa e pediu que ela fosse trocada por outra penitência. “Pedi que ela fizesse uma caminhada e rezasse o terço. Ela me disse que não sabia rezar. Outras pessoas que estavam com ela concordaram. Geralmente, eles convidam pessoas de fora para ‘tirar’ o terço porque eles acompanham, mas não sabem conduzir, não sabem meditar os mistérios e não sabem manusear o rosário”, citou o padre. 


     Mediante essa realidade, a coordenadora diocesana da Pastoral de Animação Bíblico-Catequética, Flávia Carla Nascimento, decidiu orientar os responsáveis pela Catequese, na reunião de planeamento realizada no final de 2021, para que pedissem a doação de terços. “Há uma expressão que diz ‘há muita reza e pouca missa, muito santo e pouco padre’. Essa devoção do rosário ainda não está enraigada na cultura do povo daqui, apesar de ser tão fortemente marcado pela devoção. Conto com sua participação para a ajudar a evangelizar os irmãos da Amazônia, através da devoção do rosário”, dizia padre Osvaldo, no áudio mostrado às coordenadoras paroquiais. O pedido era para que cada paróquia conseguisse ao menos 20 terços até o final de junho.


     “Além de arrecadar os terços, vamos montar panfleto explicativo de como rezar, colocar em pacotes e enviar para Canutama por transportadora. “Ótima a iniciativa.de Ivaí. Nasceu na própria Paróquia Cristo Rei, teve o apoio do padre (José Bacheladenski, o padre Zezinho) Fiquei muito feliz”, comemorava a coordenadora diocesana, citando que ainda poucas paróquias repassaram os terços. 


    A coordenadora de Catequese da Paróquia Cristo Rei, Karine Fachinello, informou que a coleta de ofertas para os locais santos ocorreu normalmente e a participação foi igualmente significativa. “As cestas foram colocadas uma ao lado da outra. As pessoas deixavam o terço e as ofertas para os locais santos. O povo estava ansioso para poder participar normalmente das celebrações, pois, até a Quaresma ainda era restrita, com senhas...Somente na Quaresma que a participação nas celebrações foram liberadas. Então, houve bastante participação por parte das pessoas. O padre Zezinho chegou a comentar que, nesses 22 anos está aqui, foi o ano de maior participação do povo”, argumentou. 


  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa


Você pode se interessar também:
| Enviado 1º conselho missionário da Diocese   |   Dia de São Francisco terá bênção de animais   |   Paróquias refletem sobre a Igreja em Missão   |   Assembleia fortalece a evangelização   |  





Publicado em: 21/04/2022

Gesto concreto arrecada mais de mil terços

Paróquia Cristo Rei de Ivaí incentivou doação na Sexta-Feira Maior

 

A Sexta-Feira Santa em Ivaí teve um significado ainda mais especial. Em substituição ao beijo na cruz, não permitido devido à pandemia de Covid 19, os fiéis que participaram da celebração da Paixão, às 15 horas, trouxeram terços para doar e, no momento do beijo, beijavam a cruz do rosário antes de depositá-lo na caixa da Campanha Terços para Canutama, desencadeada pela Pastoral de Animação Bíblico-Catequética em favor da Paróquia São João Batista, que fica Prelazia de Lábrea, no Amazonas. Foram coletados entre 1.200 e 1.500 terços.


     A ação foi iniciada a pedido do padre Osvaldo Pinheiro, diocesano que administra a paróquia em Canutama dentro do Projeto Igrejas-Irmãs. Ao lado dele, servem na Amazônia os padres Fábio Sejanoski e Sílvio Mocelim, vigários, e o diácono Metódio Retexin e sua esposa, Vera. Padre Osvaldo contou que, em conversa com uma de suas paroquianas, ouviu que a moradora não conseguiu cumprir uma promessa e pediu que ela fosse trocada por outra penitência. “Pedi que ela fizesse uma caminhada e rezasse o terço. Ela me disse que não sabia rezar. Outras pessoas que estavam com ela concordaram. Geralmente, eles convidam pessoas de fora para ‘tirar’ o terço porque eles acompanham, mas não sabem conduzir, não sabem meditar os mistérios e não sabem manusear o rosário”, citou o padre. 


     Mediante essa realidade, a coordenadora diocesana da Pastoral de Animação Bíblico-Catequética, Flávia Carla Nascimento, decidiu orientar os responsáveis pela Catequese, na reunião de planeamento realizada no final de 2021, para que pedissem a doação de terços. “Há uma expressão que diz ‘há muita reza e pouca missa, muito santo e pouco padre’. Essa devoção do rosário ainda não está enraigada na cultura do povo daqui, apesar de ser tão fortemente marcado pela devoção. Conto com sua participação para a ajudar a evangelizar os irmãos da Amazônia, através da devoção do rosário”, dizia padre Osvaldo, no áudio mostrado às coordenadoras paroquiais. O pedido era para que cada paróquia conseguisse ao menos 20 terços até o final de junho.


     “Além de arrecadar os terços, vamos montar panfleto explicativo de como rezar, colocar em pacotes e enviar para Canutama por transportadora. “Ótima a iniciativa.de Ivaí. Nasceu na própria Paróquia Cristo Rei, teve o apoio do padre (José Bacheladenski, o padre Zezinho) Fiquei muito feliz”, comemorava a coordenadora diocesana, citando que ainda poucas paróquias repassaram os terços. 


    A coordenadora de Catequese da Paróquia Cristo Rei, Karine Fachinello, informou que a coleta de ofertas para os locais santos ocorreu normalmente e a participação foi igualmente significativa. “As cestas foram colocadas uma ao lado da outra. As pessoas deixavam o terço e as ofertas para os locais santos. O povo estava ansioso para poder participar normalmente das celebrações, pois, até a Quaresma ainda era restrita, com senhas...Somente na Quaresma que a participação nas celebrações foram liberadas. Então, houve bastante participação por parte das pessoas. O padre Zezinho chegou a comentar que, nesses 22 anos está aqui, foi o ano de maior participação do povo”, argumentou. 


Diocede Ponta Grossa
As pessoas beijavam a cruz do rosário antes da entrega   |   Paróquia Cristo Rei/Ivaí

Diocede Ponta Grossa
Perto de 1.500 terços foram arrecadados, na Matriz e nas 23   |   Paróquia Cristo Rei/Ivaí

Diocede Ponta Grossa
Os terços serão separados em pacotes individuais e encaminhados nas próximas semanas   |   Paróquia Cristo Rei/Ivaí


Navegue até a sua Paróquia