MATRIZ
PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO
Pároco:

Padre Nelson Frederico Schiel


Administrador Paroquial:

Padre Osvaldo Pinheiro


Horários de Missa
  • Segunda-feira 18h30
  • Terça-feira 18h30
  • Quarta-feira 18h30
  • Quinta-feira 18h30
  • Sexta-feira 18h30
  • Sábado 18h30
  • Domingo 8h - 10h

Endereço
R. Elias Calixto 314
Ipiranga - Centro


Contato
(42) 3242-1210

Histórico

Por volta do ano de 1850, partiu de Ponta Grossa a primeira expedição que desbravou o atual território de Ipiranga no Paraná. Mas a fundação propriamente dita de Ipiranga foi obra do português Joaquim Teixeira Duarte, que veio para o Paraná em 1853. Em 1887 foi iniciada a construção da primeira capela dedicada a Nossa Senhora da Conceição, sendo mais tarde substituída por uma nova Matriz, em cujo local foi construída a atual Igreja.

    No começo quando capela foi atendida por vários padres. Quando se tornou paróquia foi administrada pastoralmente e espiritualmente, pelos padres diocesanos do Clero Secular.

    No período de Capela foi atendida pastoralmente por vários padres, até a nomeação do 1ª. Pároco.

Padres Originários da Paróquia

Pe. Joaquim Antônio Basso.

Pe. Joaquim Roque Basso.

Pe. Sílvio Mocelin.


Comunidade / Padroeiro (a) Localidade 

01 Matriz: Nossa Senhora da Conceição - Centro - Ipiranga

02 São Sebastião - Santaria

03 Santo Antônio - Pinhão

04 São José - Canguera

05 Nossa Senhora Mãe, da Divina Graça - Taió

06 São Manoel - São Manoel

07 São José - Descalvado

08 Santo Antônio - Cerro Azul

09 São Sebastião - Pombal

10 São Braz - São Braz

11 São João Batista - Avencal

12 Sant’Ana - Sant’Ana

13 Senhor Bom Jesus e São José - Coatis

14 São Cristovão - Arroio Grande

15 São Sebastião - Galvões

16 Espírito Santo - Tanque

17 São Pedro - Lageado

18 São Joaquim - Palmital

19 Senhor Bom Jesus - Luztosa Leirinha 

20 Espírito santo - Luztosa Divino / Arial da Cruz

21 Nossa Senhora Aparecida - Piquete Velho

22 Santo Antão - Capivari de cima


SETOR - 1

1.Pinhão – Santo Antônio.

2.Canguera – São José.

3.Santaria – São Sebastião.

4-Taió – Mãe da Divina Graça.

 

SETOR 2

1.Descalvado – São José.

2.Cerro Azul – Santo Antônio.

3.São Manoel.

4.São Braz.

 

SETOR 3

1.Pombal. São Sebastião

2.Avencal – São João Batista.

3.Sant`Ana – Senhora Sant`Ana.

4.Arroio Grande – São Cristóvão.

5.Coatis – São José e Senhor Bom Jesus

 

SETOR 4

1.Lust. Bom Jesus

2.Piquete Velho. N. Sra Aparecida

3.Lust. Divino 

4.Capivari – Santo Antão

 

SETOR 5 

1.Galvões – São Sebastião.

2.Lajeado. São Pedro

3.Palmital – São Joaquim.

4.Tanque. Espirito Santo


PASTORAIS E MOVIMENTOS

Conselho de Pastoral de Comunidade – CPC.

Grupo de Reflexão.

Movimento do Serra Clube.

Movimento do Cursilho.

Movimento das Capelinhas.

Movimento Marianos.

Renovação Carismática Católica.

Apostolado da Oração.

Coroinhas.

Infância Missionária.

Pastoral Econômica.

Pastoral Litúrgica.

Pastoral do Batismo.

Pastoral do Dízimo.

Pastoral do Idoso.

Pastoral dos Enfermos.

MECE.

Pastoral dos Jovens.

Pastoral da Criança.

Pastoral da Família.

Pastoral da Catequese.

 

Párocos

1º. Pároco:  Pe. Ladislau Maibuk  - 1935 até 1940

2º. Pároco:  Pe. José Krainski  - 1940 até 1947

3º. Pároco:  Pe. Francisco José Soczek  - 1947 até 1950

4º. Pároco:  Pe. Carlos Zelesny  - 1950 até 1952

5º. Pároco:  Pe. Tobias Antônio Borriero  - 1952 até 1952

6º. Pároco:  Pe. Francisco José Soczek  - 1952 até 1953

7º. Pároco:  Pe. Nelson Frederico Schiel  - 1953 até 


OFÍCIO DA IMACULADA

História

    Em 8 de dezembro de 1854 o Papa Pio IX, depois de várias reuniões com os estudiosos da Igreja, definiu como Dogma de fé a doutrina da Imaculada Conceição na Bula Ineffabilis Deus.

    Este Ofício foi escrito originalmente em latim no século XV pelo monge franciscano Bernardino de Bustis, que desejava proteger a Imaculada Conceição dos inúmeros combates que vinha sofrendo desde o século XII.

    Aprovado pelo Papa Inocêncio XI em 1678, foi enriquecido pelo Papa Pio IX em 31 de março de 1876 com 300 dias de indulgência cada vez que recitado. Na reforma do Concílio Vaticano II, Paulo VI modificou a doutrina das Indulgências, concedendo agora Idulgencia Plenária a aqueles que rezarem o Ofício da Imaculada Conceição com fé.

     Eis o texto do Ofício na íntegra.

     Matinas

     Recitada às 3:00 AM

     Em nome + do PAI, do FILHO e do ESPÍRITO SANTO! Amém!

     Deus vos salve, Virgem,/ Filha de Deus Pai! Deus vos salve, Virgem,/ Mãe de Deus Filho!        Deus vos salve, Virgem,/ Esposa do Divino Espírito Santo! Deus vos salve, Virgem,/ Sacrário da Santíssima Trindade!

      Agora, lábios meus,/ Dizei e anunciai/ Os grandes louvores/ Da Virgem, Mãe de Deus.

      Sede em meu favor,/ Virgem soberana,/ Livrai- me do inimigo/ Com o vosso valor. Glória seja ao Pai,/ ao filho e ao amor também./ Que é um só Deus/ Em pessoas três,/ agora e sempre,/ sem fim. Amém


Hino 

    Deus vos salve, Virgem,/ Senhora do mundo./ Rainha dos céus/ E das virgens, Virgem. Estrela da manhã,/ Deus vos salve, cheia/ De graça divina,/ Formosa e louçã. Dai pressa, Senhora,/ Em favor do mundo,/ Pois vos reconhece/ Como defensora. Deus vos nomeou,/ Ja la ab Aeternum./ Para mãe do Verbo/ Com o qual criou. Terra, mar e céus,/ E Vos escolheu/ Quando Adão pecou,/ Por esposa de Deus. Deus a escolheu/ E, já muito antes,/ Em seu tabernáculo,/ Morada lhe deu.

    Ouvi, Mãe de Deus,/ Minha oração./ Toquem vosso peito/ Os clamores meus.


Oração

    Santa Maria, Rainha dos céus, Mãe de Nosso Senhor Jesus Cristo, Senhora do Mundo, que a nenhum pecador desamparais nem desprezais. Ponde, Senhora, em mim, os olhos de vossa piedade e alcançai- me de vosso amado Filho o perdão de todos os meus pecados, para que eu, que agora venero com devoção vossa Santa e Imaculada Conceição, mereça, na outra vida, alcançar o prêmio da bem- aventurança, pelo merecimento de vosso benditíssimo filho, Jesus Cristo, Nosso Senhor, que, com o Pai e o Espírito Santo, vive e reina para sempre. 

Amém.


Prima

Recitada às 6:00 AM

Sede em meu favor... Glória seja ao Pai...


Hino

    Deus Vos salve, mesa/ Para Deus ornada,/ Coluna sagrada/ De grande firmeza. Casa dedicada/ A Deus sempiterno,/ Sempre preservada/ Virgem, do pecado. Antes que nascida,/ Fostes, Virgem, Santa;/ No ventre ditoso/ De Ana concebida. Sois Mãe criadora/ Dos mortais viventes./ Sois dos Santos porta,/ Dos anjos, Senhora. Sois forte esquadrão/ Contra o inimigo,/ Estrela de Jacó,/ Refúgio do Cristão. A Virgem criou/ Deus no Espírito Santo./ E todas as suas obras, Com ela as ornou.

    Ouvi, Mãe de Deus,/ Minha oração./ Toquem vosso peito/ Os clamores meus.


Oração

Santa Maria, Rainha dos céus...

TERÇA

Recitada às 9:00 hs.

Sede em meu favor... Glória seja ao Pai...


Hino

    Deus vos salve, trono/ Do grão Salomão,/ Arca do concerto,/ Velo de Gedeão. Íris do Céu clara,/ Sarça da visão,/ Favo de Sansão,/ Florescente Vara. A qual escolheu/ Para ser mãe sua./ E de vós nasceu/ O Filho de Deus. Assim Vos livrou/ Da culpa original./ De nunhum pecado/ Há em Vós sinal. Vós, que habitais/ Lá nessas alturas,/ E tendes vosso trono/ Sobre as nuvens puras.

    Ouvi, Mãe de Deus,/ Minha oração./ Toquem vosso peito/ Os clamores meus.


Oração

Santa Maria, Rainha dos céus, Mãe de Nosso...


Sexta

Recitada às 12:00 PM

Sede em meu favor... Glória seja ao Pai....


Hino

    Deus Vos salve, Virgem,/ Da Trindade templo,/ Alegria dos Anjos,/ Da pureza exemplo. Que alegrais os tristes/ Com Vossa clemência./ Horto de deleites,/ Palma de paciência. Sois da terra bendita/ E sacerdotal./ Sois da castidade/ Símbolo real. Cidade do Altíssimo,/Porta Oriental,/ Sois a mesma graça,/ Virgem singular. Qual lírio cheiroso/ Entre espinhas duras/ Tal sois Vós, Senhora,/ Entre as criaturas.

    Ouvi, Mãe de Deus,/ Minha oração./ Toquem vosso peito/ Os clamores meus.


Oração

Santa Maria, Rainha dos céus, Mãe de Nosso... 


Noa

Recitada às 3:00 PM

Sede em meu favor... Glória seja ao pai...


Hino

    Deus Vos salve, cidade/ De torres guarnecida./ De Davi com armas/ Bem fortalecida. De suma caridade/ Sempre abrasada,/ Do dragão a força/ Foi por vós prostrada. Ó Mulher tão forte,/ Ó invicta Judite!/ Que vos alentantes/ O sumo Davi! Do Egito o curador/ De Raquel nasceu./ Do mundo o Salvador,/ Maria Nô- lo deu. Toda é formosa,/ Minha companheira,/ Nela não há mácula/ Da culpa primeira.

    Ouvi, Mãe de Deus,/ Minha oração./ Toquem vosso peito/ Os clamores meus.


Oração

Santa Maria, Rainha dos céus, Mãe de Nosso...


Vésperas

Recitada às 6:00 PM

Sede em meu favor... Glória seja ao Pai...


Hino

    Deus Vos salve, relógio/ Que, andando atrasado,/ Serviu de sinal/ Ao Verbo encarnado. Para que o homem suba/ Às sumas alturas,/ Desce Deus, do Céu/ Para as criaturas. Com os raios claros/ Do sol da justiça/ Resplandece a Virgem,/ Dando ao sol cobiça. Sois lírio formoso/ Que cheiro respira./ Entre os espinhos,/ Da serpente a ira. Vós aquebrantais/ Com Vosso poder,/ Os cegos errados/ Vós alumiais. Fizestes nascer/ Sol tão fecundo./ E, como com nuvens,/ Cobristes o mundo.

    Ouvi, Mãe de Deus,/ Minha oração./ Toquem vosso peito/ Os clamores meus.


Oração

Santa Maria, Rainha dos céus, Mãe de Nosso...

Completas

Recitada às 9:00 P

Rogai a Deus, Vós,/ Virgem nos converta,/ Que a sua ira,/ Se aparte de nós.

Sede em meu favor... Glória seja ao Pai...


Hino

    Deus Vos salve, Virgem,/ Mãe Imaculada/ Rainha de Clemência/ De estrelas coroada. Vós, acima os anjos,/ Sois purificada,/ De Deus à mão direira,/ Estais de ouro ornada. Por Vós, Mãe de Graça,/ Mereçamos ver/ A Deus nas alturas,/ Com todo prazer. Pois sois esperança/ Dos pobres errantes/ E seguro porto/ Aos navegantes. Estrela do mar/ E saúde certa/ E porta que estais,/ Para o céu aberta. É óleo derramado,/ Virgem, Vosso nome,/ E os vossos servos,/ Vos hão sempre amado.

    Ouvi, Mãe de Deus,/ Minha oração./ Toquem vosso peito/ Os clamores meus.


Oração

Santa Maria, Rainha dos céus, Mãe de Nosso...


Oferecimento

    Antes de dormir(O Oferecimento pode ser recitado logo após da recitação das Completas)

Humildes, oferecemos,/ A Vós, Virgem Pia,/ Estas orações,/ Para que em nossa guia. Vades, Vós, adiante./ E, na agonia,/ Vós nos animeis,/ Ó doce Maria. 

Amém.


Oração Final

    Recita-se logo após o Oferecimento

    OREMOS: Suplicantes, Vos rogamos, Senhor Deus, que concedais a Vossos servos lograr perpétua saúde de corpo e de alma e que, pela intercessão gloriosa da bem-aventurada sempre Virgem Maria, sejamos livres da presente tristeza e gozemos da eterna alegria. 

Por Cristo, Nosso Senhor. Amém!

Em nome + do PAI, do FILHO e do ESPÍRITO SANTO! 

Amém!

O Padroeiro
O Padroeiro
NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO
Imaculada Conceição refere-se a um dogma através do qual a Igreja declarou que a concepção da Virgem Maria foi sem a mancha (mácula em latim) do pecado original. Desde o primeiro instante de sua existência, a Virgem Maria foi preservada do pecado pela graça de Deus. Ela sempre foi cheia da graça divina. O dogma declara também que a vida da Virgem Maria transcorreu completamente livre de pecado.

Desde os tempos da Igreja primitiva, os fiéis sempre acreditaram que Maria, a Mãe de Jesus, nasceu sem o pecado original. Tanto no Oriente como no Ocidente, há grande devoção à Maria enquanto mãe de Jesus e Virgem sem Pecados. No começo do cristianismo o dogma da Imaculada Conceição já era tida como uma verdade de fé para os fiéis.

Bíblia e tradição
O dogma que declara a Imaculada Conceição da Virgem Maria é fundamentado na Bíblia: Maria recebeu uma saudação celestial do Anjo Gabriel quando este veio anunciar que ela seria a Mãe do Salvador. Nessa ocasião, o Anjo Gabriel saudou como cheia de graça.

Foi o papa Pio IX, o papa que proclamou o dogma da Imaculada Conceição, recorreu principalmente à afirmação de Gênesis (3, 15), onde Deus diz: Eu Porei inimizade entre ti e a mulher, entre sua descendência e a dela, assim, segundo esta profecia, seria necessário uma mulher sem pecado, para dar à luz o Cristo, que reconciliaria o homem com Deus.

O verso Tu és toda formosa, meu amor, não há mancha em ti, no Cântico dos Cânticos (4,7) também é uma referência para defender a Imaculada Conceição. Outras passagens bíblicas referentes são: Também farão uma arca de madeira incorruptível (Êxodo 25, 10-11). Pode o puro (Jesus) vir de um ser impuro? Jamais! (Jó 14, 4). Assim, fiz uma arca de madeira incorruptível... (Deuteronômio 10, 3). Maria é considerada a Arca da Nova Aliança (Apocalipse 11, 19) e, portanto, a Nova Arca seria igualmente incorruptível ou imaculada.

Também existem os escritos dos Padres da Igreja, como Irineu de Lyon e Ambrósio de Milão. São Tomás de Aquino, por volta de 1252, declarou abertamente que a Virgem foi, pela graça, imunizada contra o pecado original, defendendo claramente o dogma do privilégio mariano, que seria declarado e definido séculos mais tarde.

Definição do dogma de Imaculada Conceição
O dia da festa da Imaculada Conceição foi definido em 1476 pelo Papa Sisto IV. A existência da festa era um forte indício da crença da Igreja na Imaculada Conceição, mesmo antes da definição do dogma no século XIX.

No dia 8 de dezembro de 1854, dia da festa, o Papa Pio IX, com a Bula intitulada Deus Inefável (Ineffabilis Deus), definiu oficialmente o dogma da Santa e Imaculada Concepção de Maria.

Assim está escrito na bula (documento papal) intitulada Ineffabilis Deus que o Papa Pio X proclamou: Em honra da Trindade (...) declaramos a doutrina que afirma que a Virgem Maria, desde a sua concepção, pela graça de Deus todo poderoso, pelos merecimentos de Jesus Cristo, Salvador do homem, foi preservada imune da mancha do pecado original. Essa verdade foi-nos revelada por Deus e, portanto, deve ser solidamente crida pelos fiéis.

Maria confirma o dogma
Santa Bernadete Soubirous (1844-1879), a jovem que viu Nossa Senhora em Lourdes, disse que Nossa Senhora se auto definiu dizendo assim: Eu sou a Imaculada Conceição. Isso aconteceu em 1858, apenas quatro anos após a definição do dogma.

Todos os estudiosos consideram quase impossível que uma adolescente como era Bernadete, vivendo num lugarejo insignificante como era Lourdes, soubesse da proclamação do dogma e muito menos o seu significado. Por isso, as aparições de Nossa Senhora em Lourdes são consideradas como uma confirmação celstial do dogma da Imaculada conceição. Esta é uma das três aparições de Nossa Senhora consideradas verdadeiras pela Igreja Católica.

Imaculada Conceição, Mãe sem manchas
Por isso, nós podemos recorrer a Maria com toda a confiança justamente porque ela é Imaculada, sem mancha, sem pecado, sem impurezas. Ela é cheia, plena, repleta da graça de Deus e, por isso, pode ouvir nossos pedidos e súplicas e apresentá-los ao Pai, diante de quem ela está no céu. Nossa mãe celestial é pura, santa, sem pecado e nos ama com um amor puro, santo e divino. Assim, com esta confiança, recorramos a ela sempre, pois ela intercede por nós.

Oração a Imaculada Conceição
Virgem Santíssima, que fostes concebida sem o pecado original e por isto merecestes o título de Nossa Senhora da Imaculada Conceição e por terdes evitado todos os outros pecados, o Anjo Gabriel vos saudou com as belas palavras: Ave Maria, cheia de graça; nós vos pedimos que nos alcanceis do vosso divino Filho o auxílio necessário para vencermos as tentações e evitarmos os pecados e, já que vós chamamos de Mãe, atendei-nos com carinho maternal e ajudai-nos a viver como dignos filhos vossos. Nossa Senhora da Imaculada Conceição, rogai por nós.
( cf fonte https://pt.wikipedia.org/wiki/Imaculada_Conceição)
 
 
Dúvidas, críticas ou sugestões?
Nome
 
E-mail
Telefone
 
Mensagem
 
 

Copyright © Diocese de Ponta Grossa 2024. Direitos reservados.
Navegando você está de acordo com a nossa política de privacidade.

Desenvolvido com amor Agência Arcanjo