MATRIZ
PARÓQUIA SÃO JOSÉ
Pároco:

Padre Manssueto Pontarolo


Horários de Missa
  • Quarta-feira 19h Missa e Novena
  • Sexta-feira 1º Sexta-feira do mês, Missa às 19h
  • Domingo 9h e às19h

Endereço
Av. Ivo Jangada 20
Imbaú - Centro


Contato
(42) 3278-1691
psjimbau@live.com
Facebook

Histórico

Com o crescimento da população da região do Imbaú e com a sua emancipação política tornando-se município, e devido ao aumento das necessidades pastorais e espirituais, a Capela de São José que pertencia à Paróquia Nossa Senhora de Fátima de Telêmaco Borba requeria a presença constante de um pároco e uma situação de quase- paróquia. A situação foi analisada pelos padres do setor 8 de pastoral da Diocese de Ponta Grossa e pelo Bispo Diocesano da época Dom João Braz de Aviz que fez visitas e após consultas ao Conselho Presbiteral e ao Conselho dos Consultores da Diocese de Ponta Grossa criou a Paróquia de São José em Imbaú, desmembrando territórios e Comunidades das Paróquias Nossa Senhora do Fátima de Telêmaco Borba, Paróquia São Sebastião de Ortigueira, Paróquia Menino Jesus de Reserva e Paróquia Nossa Senhora dos Remédios de Tibagi.

    A Paróquia de São José, foi criada e instalada solenemente pelo Bispo Diocesano no dia 13 de Maio de 2001 com grande participação da Comunidade Católica. Hoje com a ajuda da Comunidade e do Projeto Igrejas Irmãs - U.S.A – construiu-se o Centro de Pastoral, a Casa Paroquial e foram executadas reformas na Igreja Matriz.

    Características da Cidade ou da Paróquia.

    Nossa Cidade caracteriza-se mais pelas dificuldades financeiras que quase todos têm. A maioria vive da agricultura como: plantio de milho e feijão, usados mais para o consumo do que para comercializar, devido às dificuldades de comércio para a agricultura, outros trabalham em Empresas instaladas em nossa Cidade e outros ainda, saem para trabalhar fora em conseqüência dos baixos salários pagos devido à situação financeira do Município.

    O único local que temos para Reuniões Formais e até mesmo informais é o Centro de Formação instalado em nossa Paróquia. O Município não tem um local próprio para isso, portanto a maioria das empresas procura o Centro de Formação para suas reuniões (2001).

    Mas é de todo interesse saber que: apesar de todas as dificuldades a Paróquia conta com a colaboração de muitos Paroquianos na ajuda às pessoas mais necessitadas como: uma missa mensal da Pastoral Familiar que arrecada alimentos para as famílias menos favorecidas. Temos dizimistas fiéis que têm a sua colaboração mensal. Tivemos a reforma do Presbitério que contou com doações de todos os paroquianos. E ainda temos muitos desafios pela frente que acreditamos conseguir com a força da oração, e com a ajuda de todos.

    Atualmente a Paróquia possui um ótima estrutura para a evangelização e a promoção humana. Isto se deve em grande parte à participação da Comunidade e a ajuda vinda do "Projeto Igrejas Irmãs" - U.S.A.  

    Lembramos que no último senso brasileiro sobre o I.D.H. - a Cidade de Imbaú registrou um dos I.D.H. mais baixos do Paraná e do Brasil. ( I.D.H. - índice de desenvolvimento humano).


Comunidade/ Padroeiro (a) Localidade 

01 Matriz: São José - Imbaú

02 São Pedro - Limeira

03 São José - Cachoeirão

04 Divino Espírito Santo - Charqueada de Baixo

05 Imaculada Conceição - Km 222

06 Nossa Senhora do Perpétuo Socorro  - Assentamento Guanabara

07 São João Batista - Charqueadinha

08 São Francisco de Assis - Charqueada dos Betins

09 Santo Antônio - Charqueada de Cima

10 Nossa Senhora Aparecida - Campina do Juca Pedro

11 Nossa Senhora Aparecida - Coqueiros

12 São Pedro - Faxinal de São Pedro

13 Nossa Senhora Aparecida - Bela Vista da Corrente

14 Senhor Bom Jesus - José Lacerda 

15 Dom Bosco - Vila Rural

16 Nossa Senhora de Fátima - Bairro Oliveira

17 Santo Antônio - Bairro Cidade Alta

18 São Sebastião - Jacutinga/ Areia Preta (desativada)


PASTORAIS E MOVIMENTOS

PASTORAL ECONOMICA

CANTO

CAPELINHAS

CATEQUESE

COROINHAS

DIZIMO

FILHAS DE SÃO JOSÉ

GRUPO DE JOVENS

LEGIÃO DE MARIA

LITURGIA

MINISTROS

PASTORAL DA CRIANÇA

RCC

LIMPEZA

ASSUNTOS JURÍDICOS

CAMPANHA DA  FRATERNIDADE

BATISMO

CASAMENTO

PASTORAL FAMILIAR



Párocos

1º. Pároco:  Pe. Nelson Bueno da Silva - Diocese.  - 2000 até 2006

2º. Pároco:  Pe. Gilberto Balbino de Andrade - Diocese.  - 2006 até 2016

3º. Pároco:  Pe. Manssueto Pontarolo -2016 até o momento


ORAÇÃO


— 1º dia —

S. José, Pai Nutrício de Jesus

Amabilíssimo São José, que tivestes a honra de alimentar, educar e abraçar o Messias, a Quem tantos profetas e reis desejaram ver e não viram: obtende-me, com o perdão das minhas culpas, a graça da oração humilde e confiante que tudo alcança de Deus. Acolhei com bondade paternal os pedidos que vos faço nesta Novena ..... e apresentai-os a Jesus que se dignou de obedecer-vos na terra. Amém.

Rogai por nós, São José, Pai Nutrício de Jesus.

Para que sejamos dignos das promessas de Cristo!

Para todos os dias:

OREMOS! Ó Deus que por uma inefável Providência Vos dignastes escolher o bem-aventurado São José para Esposo de vossa Mãe Santíssima: concedei-nos que aquele mesmo que na terra veneramos como Protetor, mereçamos tê-lo no céu por nosso Intercessor. Vós que viveis e reinais por todos os séculos dos séculos. Amém.


— 2º dia —

S. José, Esposo da Mãe de Deus

São José, castíssimo Esposo Mãe de Deus e Guarda fiel de sua virgindade: obtende-me por Maria a pureza do corpo e da alma e a vitória em todas as tentações e dificuldades. Recomendo–vos também os esposos cristãos para que unidos com sincero amor e fortalecidos pela graça se amparem mutuamente nos sofrimentos e tribulações da vida. Amem.

Rogai por nós São José, Esposo da Mãe de Deus:

Para que sejamos dignos das promessas de Cristo! 

OREMOS! ...


— 3º dia —

S. José, Chefe da Sagrada Família

Glorioso São José, que gozastes durante tantos anos da presença e filial afeição de Jesus, a Quem tivestes a dita de alimentar e vestir, juntamente com vossa Santíssima Esposa: eu vos suplico me alcanceis o dom inefável de sempre viver em união com Deus pela graça santificante. Obtende também para os pais cristãos a graça do fiel cumprimento de seus graves deveres de educadores e, aos filhos, o respeito e a obediência segundo o exemplo do Menino Jesus. Amém.

Rogai por nós, São José Chefe da Sagrada Família

Para que sejamos dignos das promessas de Cristo!

OREMOS! ...


—  4º dia —

S. José, Exemplo de Fidelidade

Fidelíssimo São José, que nos destes tão belo exemplo no fiel cumprimento de vossos deveres de Protetor da Santíssima Virgem e de Pai Nutrício do Redentor: rogo-vos me obtenhais a graça de imitar o vosso exemplo na fidelidade a todos os deveres do meu estado de vida. Ajudai-me a ser fiel nas coisas pequenas para o ser também nas grandes Alcançai essa mesma graça para todos que me são caros nesta vida, a fim de chegarmos a gozar no céu o prêmio prometido aos que forem fiéis até a morte. Amém.

Rogai por nós, São José, Exemplo de Fidelidade;

Para que sejamos dignos das promessas de Cristo!

OREMOS! ...


— 5º dia —

S. José, Espelho de Paciência

Bondoso São José que suportastes com heróica paciência as provações e adversidades na viagem a Belém, na fuga para o Egito e durante a vida oculta em Nazaré e me destes o exemplo de admirável conformidade com a vontade de Deus: obtende-me a virtude da paciência nas dificuldades de cada dia. Alcançai também invencível paciência a todos que suportam pesadas cruzes, a fim de que se unam sempre mais a Jesus divino modelo de mansidão e paciência Amém.

Rogai por nós São José, Espelho de Paciência:

Para que sejamos dignos das promessas de Cristo!

OREMOS!...


— 6º dia —

S. José, Modelo dos Operários

Humilde São José, que, vivendo em pobreza. dignificastes a vossa profissão pelo trabalho constante e vos sentistes feliz em servir a Jesus e Maria com o fruto de vossos suores: alcançai-me amor ao trabalho, que me foi imposto como dever de estado, procurando cumprir nisto sempre a vontade de Deus. Protegei os lares dos Operários do Brasil contra as influências nefastas dos inimigos de Cristo e da Santa Igreja. Obtende-lhes a graça de santificarem o seu trabalho pela reta intenção em tudo conformados com os desígnios da Divina Providência. Amém.

Rogai por nós, São José, Modelo dos Operários;

Para que sejamos dignos das promessas de Cristo!

OREMOS!...


— 7º dia —

S. José, Protetor da Santa Igreja

Glorioso Patriarca São José, Protetor e Padroeiro da Igreja Universal : obtende-me a graça de amar a Igreja como Mãe e de a honrar como verdadeiro discípulo de Cristo. Rogo-vos que veleis sobre o Seu Corpo Místico, como outrora velastes sobre Jesus e Maria. Protegei o Santo Padre e os Bispos, os Sacerdotes e os Religiosos. Alcançai-lhes santidade de vida e eficácia no apostolado. Guardai a inocência da infância a castidade da juventude a honestidade do lar, o ordem e paz da Sociedade. Amém.

Rogai por nós, São José, Protetor da Santa Igreja; 

Para que sejamos dignos das promessas de Cristo!

OREMOS!...


—  8º dia —

S. José, Esperança dos Enfermos

Compassivo São José, esperança dos doentes e necessitados: valei me em todas as enfermidades e tribulações alcançando-me plena conformidade com os admiráveis desígnios de Deus. Obtende-me também para mim e para todos, pelos quais rezo nesta Novena, a cura das enfermidades espirituais que são as paixões desordenadas, fraquezas, faltas e pecados e protegei-nos contra as tentações do inimigo da nossa salvação amém.

Rogai por nós, São José, Esperança dos Enfermos; 

Para que sejamos dignos das promessas de Cristo!

OREMOS! ...


— 9º dia —

S. José, Padroeiro dos Moribundos

Ditoso São José que, morrendo nos braços de Jesus e Maria, partistes deste mundo ornado de  Virtudes e enriquecido de méritos: Assisti-me na hora suprema e decisiva da minha vida contra os ataques do poder infernal. Obtende-me a graça de morrer confortado com os santos Sacramentos, necessários para a minha salvação. Tendo compaixão de todos os agonizantes. alcançando-lhes a graça da salvação por intermédio de Maria, vossa Santíssima Esposa. Amém.

Rogai por nós, São José, Padroeiro dos Moribundos

Para que sejamos dignos das promessas de Cristo!

OREMOS!...


Pode acrescentar-se todos os dias

ORAÇÃO: Glorioso São José, que fostes exaltado pelo Eterno Pai, obedecido pelo Verbo Encarnado favorecido pelo Espírito Santo e amado pela Virgem Maria: Louvo e bendigo a Santíssima Trindade pelos privilégios e méritos com que vos enriqueceu. Sois poderosíssimo e jamais se ouviu dizer que alguém tenha recorrido a vós e fosse por vós desamparado. Sois o Consolador dos aflitos, o amparo dos míseros e o advogado dos pecadores. Acolhei, pois, com bondade paternal a quem vos invoca com filial confiança e alcançai-me as graças que vos peço nesta Novena . . .   Eu vos escolho por meu especial Protetor. Sêde, depois de Jesus e Maria, minha consolação nesta terra, meu refugio nas desgraças meu guia nas incertezas, meu conforto nas tribulações meu pai solícito em todas as necessidades. Obtende-me finalmente como coroa dos vossos favores, uma boa e santa morte graça de Nosso Senhor Assim seja.

O Padroeiro
O Padroeiro
SÃO JOSÉ
São José é descendente da casa real de Davi. É o esposo da Virgem Maria e pai adotivo de Jesus Cristo. Nos Evangelhos ele aparece na infância de Jesus. Pode-se ver as citações nos livros de Mateus Capítulos 1 e 2, e em Lucas 1 e2. Na Bíblia, São José é apresentado como um justo. Mateus, em seu Evangelho, descreve a história sob o ponto de vista de José. Já Lucas narra o tempo de infância do menino Jesus contando com a presença de José.

São José na História da Salvação
São José estava noivo de Maria e, ao saber que ela estava grávida, decidiu abandoná-la, pois o filho não era dele. Ele pensa em abandoná-la para que ela não fosse punida com a morte por apedrejamento

Mas ele teve um sonho com um anjo que lhe disse que Maria ficou grávida pela ação do Espírito Santo, e que o menino que iria nascer era Filho de Deus, então, ele aceitou Maria como esposa. Perto do tempo previsto do nascimento de Jesus, por um decreto romano ele foi para Belém partir do recenseamento, lá Maria deu à luz ao Menino Jesus e José estava presente no nascimento.

O anjo, porém, deu novo aviso a José, em sonho. Com efeito, o anjo avisou a José que Herodes queria matar o menino Jesus e mandou-o pegar o menino e sua mãe e fugir para o Egito com eles. José obedeceu. Assim, A sagrada família foi para o Egito e viveram lá durante quatro anos. Após este tempo, o anjo avisou novamente a José em sonhos, dizendo que eles poderiam voltar para Nazaré porque Herodes tinha morrido. José obedeceu e levou a Sagrada Família novamente para Israel.
Vida Simples
São José devotou sua vida aos cuidados de Jesus e Maria. Vivendo do trabalho de suas mãos, como carpinteiro, sustentou sua família com dignidade e exemplo. A profissão de carpinteiro propiciava dignidade à família. José era um judeu religioso e praticante. Ele consagrou o menino Jesus no Templo, logo depois que o menino nasceu. Este ato só era praticado na época por judeus piedosos. São José levava sua família regularmente às peregrinações de seu povo em Jerusalém, como, por exemplo, na Páscoa. Foi numa dessas peregrinações em que, na volta para Nazaré, o menino Jesus ficou em Jerusalém conversando com os doutores da lei. O menino tinha, então, doze anos. José e Maria, aflitos, voltam ao templo e encontram o menino Jesus debatendo com os doutores da lei. Nesta ocasião, Jesus afirma que “Tinha que cuidar das coisas de seu Pai”. Esta é a última vez que José é mencionado nas Sagradas Escrituras. Todos os indícios levam a crer que José faleceu antes de Jesus começar sua vida pública. Caso contrário, ele certamente teria sido mencionado pelos evangelistas, como o foi Maria.

Influência de José na formação da personalidade de Jesus
São José teve papel importantíssimo na formação da personalidade de Jesus enquanto pessoa humana. Claro, Jesus é o Filho de Deus. Porém, se analisarmos o comportamento de Jesus do ponto de vista humano, veremos que ele (Jesus) foi um menino e um homem que teve um pai presente, piedoso e influente. Um pai que ensinou ao filho o caminho da justiça, da verdade, do amor e do conhecimento da Palavra de Deus. Não é à toa que São José é chamado de “Justo” desde os Evangelhos. Por isso, São José é um dos maiores santos de todos os tempos.

Devoção a São José
São José foi inserido no calendário litúrgico Romano em 1479. Sua festa é celebrada no dia 19 de março. São Francisco de Assis e, mais tarde, Santa Teresa d’Ávila, foram grandes santos que ajudaram a divulgar a devoção a São José. No ano de 1870, São José foi declarado oficialmente como o Patrono Universal da Igreja. O autor desta declaração foi o Papa Pio IX. No ano de 1889, o Papa Leão XIII, num de seus grandes documentos,exaltou as virtudes deSão José. O Papa Bento XV declarou São José como o patrono da justiça social. Para ressaltar a grande qualidade e poder de intercessão de São José como “trabalhador”, O Papa Pio XII instituiu uma segunda festa em homenagem a ele, a festa de "São José operário". Esta, acontece no dia primeiro de maio.

São José é invocadotambémcomo o padroeiro dos carpinteiros. Na arte cristã ele é representadotendo um lírio na mão, representando a vitória dos santos. Algumas vezes ele aparece também com o menino Jesus ou nos braços, ou ensinando a Ele a profissão de carpinteiro. Fonte: https://cruzterrasanta.com.br/historia-de-sao-jose/148/102/
 
 
Dúvidas, críticas ou sugestões?
Nome
 
E-mail
Telefone
 
Mensagem
 
 

Copyright © Diocese de Ponta Grossa 2024. Direitos reservados.
Navegando você está de acordo com a nossa política de privacidade.

Desenvolvido com amor Agência Arcanjo